Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Outra Face da Lua

A Outra Face da Lua

05
Fev18

Uma Coisa Sobre Mim

ipgines

Perguntam-me para escrever uma coisa que gostava que os outros soubessem sobre mim.

 

Mais do que contar algo ou gostar que os outros soubessem sobre mim, gostava que compreendessem que sou extremamente sensível. Não sou feita de papel nem parto como porcelana.

Nada disso. Sou, até, pouco delicada.

Sou muito sensível a tudo à minha volta. Às pessoas e suas personalidades, a sons, luzes, a energias e humores alheios.

 

Sinto, ao mesmo tempo, uma energia inesgotável e um cansaço do mundo.

Quero, no mesmo minuto, estar rodeada de gente e rir mas estar, também, no meu canto, na multitude que é a minha companhia.

 

Sou calada mas quero falar, perguntar. Mas acabo sempre por ser quem mais escuta e quem mais observa. Gestos, olhares, os corpos e as palavras. Escutar também requer muita energia. Interesse e atenção. Empatia.

4 comentários

Comentar post