Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Hoje em dia fala-se muito do minimalismo, principalmente do físico.

 

Destralhar tem estado na berra, contrastando um pouco com o modo de vida de gerações mais velhas que vêm acumulando as suas vidas em espaços pequenos.

Sou totalmente a favor do minimalismo.

 

Fico cansada de estar rodeada de decorações pesadas e bibelots sem fim. Pós, objectos sem utilidade e outros tantos de qualidade dúbia.

 

Mudar de casa várias vezes obrigou-me a fazer este exercício de destralhamento mais vezes do que gostaria, mas a verdade é que nem me lembro de metade das coisas que deixei para trás.

 

Pergunto-me se não deveríamos pôr também em prática este minimalismo no nosso dia a dia. Na nossa forma de pensar e encarar o mundo. No fundo, descomplicar.

 

Ultimamente, venho-me cansando com a tendência que as pessoas têm para a complicação e como um problema simples que se resolve de forma simples se torna num género de teorema matemático com direito a prémio nobel.

 

E não me refiro a problemas complexos da vida. Falo de eventos sem importância do dia a dia. O comodismo impede-nos de ser melhor só porque queremos as coisas à nossa maneira. É cansativo estar rodeada de pessoas assim.

Autoria e outros dados (tags, etc)


13 comentários

Imagem de perfil

De Margarida a 28.08.2018 às 19:07

Como dizes: "destralhar" o nosso espírito e o das pessoas que nos rodeiam seria a certeza de muito menos dores de cabeça. Temos de fazer isso connosco primeiro, acho eu.
Gostei muito do post :)
Imagem de perfil

De ipgines a 28.08.2018 às 20:35

"Temos de fazer isso connosco primeiro"
Ao ler o teu comentário apercebi-me de como já o começo a fazer
Obrigada pela visita
Imagem de perfil

De RP a 28.08.2018 às 19:26

O descomplicar é simples... Mas há quem ainda faça dele um bicho de 7 cabeças.
Imagem de perfil

De ipgines a 28.08.2018 às 20:36

Os meus pais são decididamente desse tipo. Tenho tentado implementar algumas coisas cá em casa mas está difícil...
Imagem de perfil

De Nuno a 28.08.2018 às 22:22

Pessoas tóxicas de mal com a vida e principalmente com os outros. O destralhamento deveria ser algo que todos nós deveríamos praticar dentro de nós mesmos, e eu que o diga
Imagem de perfil

De ipgines a 29.08.2018 às 21:00

sabes que - e provavelmente sabes - que as pessoas mais tóxicas são as que nos estão mais próximas.
não sendo possível cortar completamente a relação, é distanciar e gerir as nossas emoções :)
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 28.08.2018 às 23:44

Vou-te dizer a melhor: sabias que a palavra "destralhar" não existe. Procura no dicionário :)
É tão intuitiva e natural mas não existe na lingua portuguesa.
Imagem de perfil

De ipgines a 29.08.2018 às 21:01

pois não...! HAHA
dou um prazo de 2 anos para que esteja :)
Imagem de perfil

De A rapariga do autocarro a 29.08.2018 às 10:58

Ora aí está, fazer uma limpeza mental daquilo que nos faz mal e deixar partir, mas por vezes temos tendência a cultivar justamente o que nos faz mal!
Imagem de perfil

De ipgines a 29.08.2018 às 21:03

sei bem o que é isso! :)
Imagem de perfil

De vox nihili a 29.08.2018 às 17:12

Era tão bom, como dizes e bem, espalhar esse minimalismo ao nosso dia-a-dia... mas é complicado lidar com diferentes formas de ver, que provavelmente ainda têm muito que "destralhar". Adoro a expressão, nunca a tinha visto! Ahahah
Imagem de perfil

De ipgines a 29.08.2018 às 21:11

lido e convivo com pessoas que gostam de complicar. é difícil, sim.
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 09.09.2018 às 14:57

"Destralhar" - aquela palavra maravilhosa que adoramos usar, intuitiva, mas que não existe no dicionário

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor




Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.